Milhouse on software, engineering, and Emacs.

Keysnail

Já a um tempo não estava satisfeito com os atalhos para navegação no google-chrome, principalmente agora que estou bastante acostumado com o estilo de keybindings do Emacs. O que eu queria era uma forma de “Emaczificar” a experiência de navegação. Em suma, eliminar completamente o teclado da navegação web.

Procurei bastante a respeito de como customizar os atalhos do google-chrome, mas não achei nada útil. Encontrei o vimium que ajudou um pouco, mas estava longe de ser ideal. Encontrei um tal de Vimperator que parecia ser exatamente o que eu queria, só que para usuários de vim.

Já tinha desistido quando acabei descobrindo (por acaso) no Github o Keysnail. O Keysnail era exatamente o que eu estava procurando! O único problema é que ele não existe para google-chrome, apenas para firefox. Não pensei duas vezes e migrei completamente para o firefox.

Existem 4 “modes” nele: global, view, edit e caret. É possível definir keybindings para qualquer função javascript definida no seu arquivo .keysnail.js e, é claro, os keybindings são sujeitos ao escopo dos modes.

A arquitetura do Keysnail é bem bacana, e existem vários plugins pra ele. De fato, é um plugin que incorpora o espirito do Emacs.