Milhouse on software, engineering, and Emacs.

No primeiro post do blog eu comentei que seria legal usar o org-mode para publicar o blog, e que isso não parecia simples. Acabei entrando um pouco no mérito e vi que na verdade usar o org-mode era bem mais fácil do que parecia. Escrevi algumas funções em Elisp para facilitar no processo de exportação e afins, e você pode dar uma olhada na feiura que ficou aqui.

As funções que eu escrevi fazem as seguintes coisas: - Cria um novo draft para um post. - Insere a data atual no nome do arquivo, formatada do jeito que o Jekyll quer. (coisa chata). - Promove um draft para um post. - Exporta o .org para .md usando o org-gfm-export-to-md. Esse exporter já cospe um github-flavored-markdown. - Escolhe automaticamente o dicionário correto do ispell.

Com isso, dá pra escrever em org-mode e praticamente que existe um markdown =).

Os nomes ficaram bem bagunçados no código, além de ter um bom tanto de duplicação. Tentei refatorar e adivinhem: sem teste automatizado ficou um saco, e acabei não fazendo (quem nunca?).